Dum Dum Girls – I Will Be

by

I Will Be [2010] <- Download

I Will Be, álbum de estréia das Dum Dum Girls, foi gravado ao longo de 2009, ainda no formato one-girl-band. Com participações do onipresente Nick Zinner (Yeah Yeah Yeahs) em Yours Alone, Brandon Welchez (Crocodiles) em Blank Girl, e o amigo Andrew Miller em várias faixas, o disco foi finalizado por Richard Gottehrer, do Strangeloves. No currículo do produtor constam Voidoids, Blondie, Go-Gos e Raveonettes, além da co-autoria e co-produção de My Boyfriend’s Back, das Angels, um dos grandes clássicos dos girl groups dos anos 60.

Em essência, I Will Be (compre aqui) continua na linha das primeiras faixas de  Dee Dee. O tratamento de Gottehrer, porém, aliado possivelmente a uma maior calma na produção, traz resultados gritantes. O som agora é cheio, propulsivo, redondo — em suma, mais palatável para o público abrangente que a Sub Pop está visando para este lançamento. E o selo está certo em apostar. Se o Raveonettes e o Yeah Yeah Yeahs atingiram as major leagues, as Dum Dum Girls também se qualificam. I Will Be, independente de para onde levará o agora quarteto, é desde já um dos melhores álbuns do ano.

Dum Dum Girls - Jail La La
Dum Dum Girls - Yours Alone

Tags: , , , , , ,

2 Respostas to “Dum Dum Girls – I Will Be”

  1. blxl Says:

    You might find this interesting.

    We refer to it as “Analog Music from a Lost World” — previously unreleased post-punk experimental rock from 1981, unlike anything else recorded before or after.

    “It’s out there but a really good listen…some awesome experimental work.” — Richmond Playlist

    “It’s challenging music made by a collection of people who know what the f_ck they’re talking about when it comes to records…fantastic record…holds its own unique feel and straight weirdness. What more could you want?” — anuncontrollableurge.com

    “…enjoyed it immensely! Odd, odd sounds, but funky in a twisted way.” — snapcrackleandpops.blogspot.com

    “It’s amazing!” — Gibraltar Encyclopedia of Progressive Rock

    “…pretty weird: mixtures of grrl band vocals, psych rock and spaced-out guitar, and 60s style poetic verse.
    Pretty weird, in the good way.” — g-spotlight.blogspot.com

    “…lovely and odd…” — No Rock and Roll Fun.com

    “…some hefty grooves, and plenty of ‘holy shit” moments’. It’s a spacious but highly rewarding listen, and I wouldn’t be surprised if some label makes an effort to press this on vinyl in the near future.” — ongakubaka.blogspot.com

    Jason Sigal, Managing Director at WFMU said:
    “This is amazing stuff and we would be honored to feature it in wfmu’s curated portal on the free music archive. I’m very sorry for our slow response, we have a lot of stuff to wade through to find gems like these.”

    http://freemusicarchive.org/music/Karen_Cooper_Complex/

  2. zito Says:

    muito nostálgicas estas dum dum girls
    mas com canções viciantes🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: